Eletrikus Brasiliensis


A Argon | Otimização de Sites esta participando do Concurso de SEO da MestreSEO, e estamos concorrendo com o URL: Eletrikus Brasiliensis.

O Fabio Ricotta da MestreSEO inventou um termo não existente no Google, chamado “Eletrikus Brasiliensis”. O desafio consiste em estar posicionado em primeiro lugar no google para esta palavra-chave.

O vencedor será escolhido no dia 20 de Fevereiro de 2013 através de consulta no Google sem usuário logado, ganha quem estiver no primeiro lugar dos resultados orgânicos, não valendo links patrocinados ou resultados universais e também será premiado o primeiros lugar no Google Imagens.


Categoria: Otimização de Sites (SEO)  


Como transformar seu Site em um Site Vendedor e obter sucesso


Você deve avaliar o objetivo de sua campanha. Por que motivo Você vai fazer alguma peça publicitária. E aqui entenderemos seu website como tal.

Sua intenção pode ser a de estar na cabeça do seu público. Ou vender uma idéia que lhe dê respeitabilidade, lembrança, etc. Algo como falar de meio-ambiente e apenas colocar sua marca presente na peça. Isto transmite uma idéia, mas não vende. Não vende diretamente, ao menos.

Por outro lado, se sua intenção é efetuar uma venda, deve fazer isto de forma direta, consciente, correta. Lembrando que neste caso vale o dito acima de que a intenção é promover uma venda. Os princípios aí aplicados devem ser os princípios da habilidade de vender.

Ao elaborar uma peça publicitária ou avaliar uma, pense: “Isso ajudaria um vendedor a vender sua mercadoria?” É desta forma que deve ser redigida, montada, estruturada. “Deve ajudar a Você se Você estivesse diante do comprador em pessoa”.

Então vamos ver como isto funciona na internet. Você pretende ou deve fazer uma publicidade num Portal ou alguma campanha por e-mail. Ou até mesmo, montar ou reestruturar o website de seu empreendimento.

Quem são seus leitores? A quem deve se dirigir? Como fazer com que leiam sua mensagem? Como escrevê-la? Algumas premissas devem ser observadas.

Tenha em mente na sua campanha quais são seus pontos fortes, seus diferenciais. Aquilo que faz sua empresa, por exemplo, seu hotel, pousada ou restaurante, mesmo estando lado a lado com outro empreendimento similar, ser diferente aos olhos de seu cliente.

Pensemos numa pousada. Localizada numa praia, por exemplo. Que conteúdos colocar ou destacar no seu website? Se sua pousada é única numa determinada praia, Você pode até explorar este quesito. Colocá-lo em destaque. Mas se há outras pousadas na mesma praia, isto não é diferencial para seu empreendimento.

Assim, avalie, quais são os diferenciais de seu empreendimento. E destaque-os!

Devemos nos expressar de forma breve, clara e convincente. Mas escrever o bastante para dar a informação.

O autor parte do princípio que ninguém lê anúncios por diversão. O que parece óbvio. Você já clicou em um Banner que oferece algo que Você não está procurando? “Os únicos leitores que temos são as pessoas a quem interessa nosso assunto”.

As pessoas estão procurando informações quando visitam um website Dê informações a elas, o bastante para que se ponham em ação. Parece redundante? E é. Mas avalie muito bem isto!

“A razão para a maioria dos malogros em propaganda é tentar vender às pessoas aquilo que elas não querem”. Busque nas campanhas por e-mail oferecer algum serviço ou benefício. Isto desperta a atenção e faz com que a pessoa vá buscar informação. E isto deverá estar na seqüência do e-mail.

“Não pense nas pessoas como massa. Isso lhe dará uma visão anuviada”. Pense num indivíduo típico que, provavelmente, irá querer aquilo que Você vende. Isto é muito importante numa campanha por e-mail, por exemplo. Textos padronizados são facilmente identificados e incomodam a muitas pessoas.

Você deve conhecer seus clientes e aquilo que os agrada, saber o que buscam. Sim, num website Você estará falando com clientes e com (ainda) não clientes. Mas deve saber o que leva seus clientes à sua pousada ou restaurante. Isto deve ser explorado em campanhas, isto é um diferencial de seu negócio na visão do cliente. Isto é olhar com os olhos do Cliente.

E daí, “Tente colocar-se na posição do comprador”, oferecendo-lhe o que o agrada. Você já sabe o que é. Ofereça por um preço diferenciado, por um período maior, para aproveitar algum evento ou festa em sua localidade, ou ainda, para aqueles períodos especiais, dê-lhe preferência nas reservas. “Seu êxito depende grandemente disso”, de colocar-se na posição do comprador.

E como saber o que seus clientes vêem como diferencial em seu empreendimento? Perguntando a eles. Acredite, eles lhe dirão! Faça pesquisas com seus clientes. Faça pesquisa com clientes ou visitantes do site. Você “fica sabendo o que possíveis compradores desejam e quais fatores que não têm atrativos”. E utilize as informações que receber!

Fonte: Roberto Lima (Site Viageiro.com)


Categoria: Otimização de Sites (SEO)  


Uso das Tags Header (h1, h2, h3, h4..)


Quando se fala em Otimização um outro ponto importante a ser levado em consideração é o fato do XHTML ter uma estrutura padrão própria, que define a importância de certos elementos na página. Vamos falar especificamente das tags “h” (h1/h2/h3/..). Muita gente tem deixado de lado o uso correto dessas tags e utilizar principalmente a tag
[h1] para evidenciar um título é importante.

O algoritmo do Google vê o conteúdo colocado entre [h1] e [/h1] como mais importante texto da página. Isso acontece de forma hierarquica, então pode-se usar para sub-títulos, por exemplo.

Do [h3] em diante não existe muita diferença prática em termos de otimização, mas é importante utilizar também para auxiliar o usuário na identificação dos topicos.

Como o padrão de tag H1 não é visualmente muito bonito, recomendamos o uso de CSS para configurar a aparência do mesm. Assim você consegue manter a harmonia visual do seu site e ao mesmo tempo destacar palavras-chave importantes para os usuários e para os robots.


Categoria: Otimização de Sites (SEO)  


A importancia do URL e Title Tag para seu site


Muitas pessoas ainda desconhecem a importância da URL e da tag title de uma página, mas esses são dois importantes fatores de rankeamento do Google. As URLs funcionam de certa forma como mais uma forma de se trabalhar as palavras-chave importantes.

O título da página deve especificar o que ela tem de conteúdo.

Ainda usando o exemplo do “webdesign”, podemos dizer que uma URL http://www.webdesign-em-presidente-prudente.com.br costuma ser melhor rankeada que uma http://www.suaempresa.com.br. Isso porque você já inclue na URL a palavra-chave e/ou a keyphrase importante para seu site.

Mas não podemos esquecer que sites que não tenham essa estrutura de URL também podem se sair muito bem nos resultados, então não entre em pânico para trocar sua URL.

Existe uma alternativa simples e que funciona muito bem, conhecida como “Permalinks” ou “links permanetes”, consiste em nomear as páginas internas do site com o uso de keywords e keyphrases. Por favor, não confundam essa técnica com spam de palavras-chave. Você deve dar um nome que realmente reflita o conteúdo da página. Exemplos: http://www.suaempresa.com.br/webdesign-em-presidente-prudente.html, para uma página específica do site que fale sobre o escritório localizado em Presidente Prudente.

As mesmas observações podem ser feitas em relação à URL e servem também para a title tag. Utilizar palavras-chave no título de sua página (não estou falando da meta title tag e sim da tag title) pode melhorar muito o seu posicionamento no Google. Chamo atenção mais uma vez: não devemos fazer spam de palavras-chave no título da página. É preciso ter muito profissionalismo no uso das técnicas e é fundamental ter feeling, que é muitas vezes adquirido através da experiência contínua de trabalho na área.

Para este exemplo, um title seria:

”Nome da Empresa” é uma empresa de webdesign que atua em Presidente Prudente, São Paulo

Dica: Tente localizar suas palavras-chave o mais próximo possível do início da tag, isso costuma melhorar os resultados.


Categoria: Otimização de Sites (SEO)  


Como escolher as palavras-chave adequadas para o seu site


O primeiro passo e um dos mais importantes. é escolher corretamente as palavras-chave que serão utilizadas como base para sua otimização. Nem sempre é melhor escolher palavras-chave gerais, muito amplas. Na maior parte dos casos, o ideal é escolher palavras específicas, focadas em um nicho relacionado ao seu produto, serviço ou assunto do site. Ou seja, sua região por exemplo. Sua chance de resultado é maior e você ainda vai satisfazer a pessoa que está buscando, com um conteúdo de real valor.

Por exemplo, vamos pensar em uma empresa de Webdesign. Será que seria interessante otimizar para “webdesign” ou sua chance de conseguir ser bem posicionado através desse termo seria ínfima? Além disso, “webdesign” é muito amplo: poderia ser um site de dicas de webdesign, um site de templates, uma associação de webdesigners e finalmente uma empresa de webdesign, entre várias outras possibilidades. Temos que ser mais específicos e isso significa:

1. Focar em um mercado mais específico que esteja buscando soluções de webdesign
2. Competir com menos websites, através de palavras-chave mais específicas
3. Otimizar pensando em palavras-chave que as pessoas efetivamente usam nas buscas

Focar em um mercado mais específico depende muito dos produtos e serviços que você oferece. Devemos pensar em palavras-chave mais específicas e é importante frisar que as pessoas não buscam mais por palavras individuais como “webdesign” e sim por frases de normalmente 3 a 5 palavras (keyphrases). Então, se você tem uma empresa de webdesign em Presidente Prudente, pode ser uma boa idéia otimizar para “Webdesign em Presidente Prudente” ou “Criação de Sites em Presidente Prudente” por exemplo.

Após escolher as palavras ou frases que se adequem melhor ao perfil do seu site, faça uma busca no Google e veja quantos resultados ele encontra. Compare as possíveis palavras e frases e teste algumas variações (de/para/em/por/com). Aquelas que tiverem menor número de resultados no Google são mais fáceis de se competir e conseguir melhor posicionamento.

Outra ferramenta muito útil é a Ferramenta de palavras-chave do google, nela você poderá consultar o volume de buscas para cada palavra chave-específica e também encontrar palavras-chave semelhantes e (sinônimos) que poderão lhe auxiliar na escolha das suas palavras-chave.

As pessoas nem sempre buscam por “webdesign”. Talvez uma busca mais intuitiva para o caso seja “criação de sites em Presidente Prudente”. É importante pensar com a cabeça do usuário. Coloque-se no lugar dele: o que ele quer encontrar? Como faria uma busca com esse objetivo?

Em regras gerais, otimize cada página do seu site para uma keyword ou keyphrase diferente e em cada uma dessas frases tenha 2 ou 3 palavras-chave bem específicas.


Categoria: Otimização de Sites (SEO)  


Otimização de Sites para empresas de Rio Verde – GO


Agora as empresas de Rio Verde e região podem contar com o atendimento da Web Argon, que estará prestando serviços de Consultoria em Desenvolvimento, Hospedagem e Otimização de Sites e Blogs.

Com experiência de mais de 10 anos de atuação no mercado a Web Argon chega para impulsionar a marca de sua empresa na internet. Otimização de Sites, a sua empresa na primeira página do Google e dos demais buscadores através de palavras chaves, aumente as visitas do seu site, aumente as vendas e torne-se mais competitivo.

Entre em contato e solicite um orçamento.

Duvídas? comente.


Categoria: Otimização de Sites (SEO)  


Como crio um site amigável ao Google?


Coisas a fazer

Dê aos visitantes as informações que eles estão procurando
Forneça conteúdo de alta qualidade nas suas páginas, principalmente na sua página principal. Essa é a coisa mais importante a fazer. Se as suas páginas apresentarem informações úteis, seu conteúdo vai atrair vários visitantes e vai motivar os webmasters a criarem um link para o seu site. Para criar um site útil e rico em informações, elabore páginas que descrevam seu assunto de forma clara e precisa. Pense nas palavras que os usuários digitariam para encontrar suas páginas e inclua essas palavras em seu site.

Verifique se outros sites têm um link para o seu
Os links ajudam nossos rastreadores a localizar o seu site e podem aumentar sua visibilidade nos nossos resultados de pesquisa. Para gerar os resultados de uma pesquisa, o Google leva em consideração o PageRank (medida da importância de uma página) juntamente com técnicas de correspondência de texto sofisticadas para exibir páginas que sejam importantes e relevantes a cada pesquisa. O Google conta o número de votos que uma página recebeu como parte da sua avaliação de PageRank, considerando que um link da página A para a página B é um voto da página A para a página B. Os votos provenientes de páginas consideradas “importantes” têm mais valor e ajudam a tornar as outras páginas “importantes”.

Lembre-se de que os algoritmos podem diferenciar links naturais de links não-naturais. Links naturais para o seu site são desenvolvidos como parte da natureza dinâmica da web, quando outros sites vêem valor no seu conteúdo e concluem que um link para o seu site será útil para seus próprios visitantes. Links não-naturais para o seu site são criados especificamente para fazer com que o seu site aparente ser popular para os mecanismos de pesquisa. Alguns desses tipos de links (como esquemas de link e páginas “de entrada”) são citados nas diretrizes para webmasters.

Apenas os links naturais são úteis para a indexação e a classificação do seu site.

Facilite o acesso ao seu site
Crie seu site com uma estrutura de links lógica. Cada página deve ser acessada a partir de pelo menos um link de texto estático.

Use um navegador de texto, como o Lynx, para examinar seu site. A maioria dos indexadores vê o site da mesma forma que o Lynx. Se recursos como JavaScript, cookies, IDs de sessão, frames, DHTML ou animações em Macromedia Flash não permitirem que você veja todo o site em um navegador de texto, os indexadores vão ter dificuldade em rastreá-lo.

O que deve ser evitado

Não encha a sua página com listas de palavras-chave, não tente “camuflar” páginas nem criar páginas “somente para o rastreador”. Se o seu site tiver páginas, links ou textos que não foram criados para os visitantes, o Google vai considerá-los enganosos e vai poder ignorar o seu site.

Não se sinta obrigado a contratar um serviço de otimização de mecanismo de pesquisa. Algumas empresas afirmam “garantir” a alta classificação do seu site nos resultados de pesquisa do Google. Embora algumas empresas de consultoria legítimas possam melhorar o fluxo e o conteúdo do seu site, outras empregam táticas enganosas como tentativa de ludibriar os mecanismos de pesquisa. Tenha cuidado. Se o seu domínio estiver associado a um desses serviços enganosos, ele vai poder ser banido do nosso índice.

Não use imagens para exibir nomes, conteúdo ou links importantes. Nosso rastreador não reconhece o texto de imagens. Use os atributos ALT se o conteúdo principal e as palavras-chave em sua página não puderem ser formatados em HTML normal.

Não crie várias cópias de uma página em diferentes URLs. Muitos sites oferecem versões de texto ou versões para impressão que possuem o mesmo conteúdo das correspondentes páginas ricas em imagens. Para garantir que sua página preferida esteja incluída em nossos resultados de pesquisa, vai ser necessário bloquear páginas repetidas dos nossos indexadores usando um arquivo robots.txt. Para obter informações sobre como usar um arquivo robots.txt, visite o nosso tópico de informações sobre como bloquear o Googlebot.

Fonte: Google.com – Ajuda para Webmasters


Categoria: Otimização de Sites (SEO)  


Cuidados ao contratar empresas de Otimização (SEO)


Embora os SEOs possam oferecer serviços valiosos aos clientes, alguns SEOs com comportamentos antiéticos são vistos com maus olhos no setor por suas práticas de marketing exageradamente agressivas e suas tentativas de manipular de forma inadequada os resultados dos mecanismos de pesquisa. Práticas que violam nossas diretrizes podem resultar em um ajuste negativo da presença do seu site no Google ou até mesmo na remoção do site do nosso índice. Veja alguns aspectos a serem considerados:

– Tenha cuidado com firmas de SEO e consultores ou agências na web que enviam e-mails inesperados.
Se você receber e-mails não solicitados sobre mecanismos de pesquisa, mantenha o mesmo ceticismo que teria em relação a pílulas dietéticas que “emagrecem durante o sono” ou solicitações para ajudar a transferir o dinheiro de ditadores depostos.

Ninguém pode garantir a classificação em primeiro lugar no Google.
Cuidado com os SEOs que dizem garantir a sua classificação ou ter um “relacionamento privilegiado” com o Google ou que anunciam um “envio prioritário” para o Google. Não existe envio prioritário para o Google. Na verdade, a única forma de enviar um site diretamente ao Google é através da página Adicionar URL, disponibilizada pelo próprio Google ou enviando um Sitemap, e você pode fazer isso por conta própria sem custo algum.

Tome cuidado se uma empresa tiver muitos segredos ou não explicar claramente o que pretende.
Se algo não estiver claro, peça explicações. Se um SEO criar um conteúdo fraudulento ou enganoso em seu nome, como páginas de entrada ou domínios “descartáveis”, o seu site poderá ser removido do índice do Google. Em última análise, você é responsável pelas ações das empresas que contratar. Por isso, é melhor verificar exatamente como pretendem “ajudar” você.

Quais são os abusos mais comuns que o titular de um site pode encontrar?
Um golpe comum é a criação de domínios “de fachada”, que encaminham os usuários para um site por meio de redirecionamentos fraudulentos. Os domínios de fachada normalmente pertencem a um SEO que alega estar trabalhando em nome de um cliente. No entanto, se o relacionamento com o cliente não vingar, o SEO poderá apontar o domínio para outro site ou até mesmo para o domínio de um concorrente. Se isso acontecer, o cliente pagou para criar um site concorrente que pertence ao SEO.

Outra prática ilícita é colocar páginas “de entrada” carregadas de palavras-chave em algum lugar do site do cliente. O SEO promete que isso tornará a página mais relevante para um maior número de consultas. Essa afirmação é inerentemente falsa, já que uma única página é raramente relevante para várias palavras-chave. Pior ainda é que essas páginas de entrada freqüentemente contêm links ocultos que levam também a outros clientes do SEO. Tais páginas de entrada sugam a popularidade dos links do site e encaminham para o SEO e seus outros clientes, que podem ter sites com conteúdo ilegal ou ofensivo.

Essas dicas foram selecionadas entre outras disponíveis em: Otimização de mecanismos de pesquisa (SEO).

Fonte: Google.com


Categoria: Otimização de Sites (SEO)  


Quando contratar um SEO?


Se você estiver pensando em contratar um SEO, quanto antes melhor.

Um bom momento para a contratação é quando você estiver pensando em mudar o design do site ou planejando lançar um novo site.

Dessa maneira, você e o seu SEO podem garantir que o seu site seja criado para ser conveniente para mecanismos de pesquisa do início ao fim.

Porém, um bom SEO também pode ajudar a melhorar um site existente.


Categoria: Otimização de Sites (SEO)